terça-feira, agosto 29, 2006

LISBOA EM AGOSTO

terça-feira, agosto 29, 2006


Ainda estou a trabalhar, mas a minha mente está virada para FÉRIAS. Até aí já todos sabemos, mas o que não sabem é que este ano acabei por estranhar o trânsito na cidade de Lisboa. Nesta altura do ano, em Agosto, Lisboa costuma estar quase deserta, o que não aconteceu. Puxei pela massa cinzenta e chego à conclusão que a crise acaba por ser pior do que eu, ou todos nós, já sabíamos. O pessoal que ia para fora, nem que fosse dentro do País, ficou cá. Resultado, praias cheias na zona da grande Lisboa. Sei também que o turismo na capital aumentou. Na televisão até diziam que Lisboa estava na moda para o turista passear. De certo modo, ainda bem. O turismo faz sempre falta. E o que faz falta também é o português poder fazer o mesmo. Estou a ficar uma revoltada da sociedade. Credo! Mas é assim mesmo fico fula de não poder ir para fora. Há pessoas que não fazem questão nenhuma disso, ou porque não têm possibilidades, ou se as têm não ligam nenhuma. MAS EU LIGO. Acho que estou a ficar rabujenta como os miúdos pequenos, mas é só um desabafo. Ainda hei-de arranjar maneira de sair um pouco daqui. Este ano já não. Melhores dias virão.

2 comentários:

Pedroca disse...

Oi Ana,

Quanto tempo hein.
Pois é, eu também asndo muito preso a cinzenta e barulhenta São Paulo. espero poder dar umas escupilidas rápidas ainda esse ano, pra aproveitar pelo menos akguns finais de semana com minha namorada, em lugares próximos mesmo, nada de grandes viagens ou férias para mim.

Com certeza dias melhores virão.

BJO

Anónimo disse...

Sim, provavelmente por isso e