sábado, julho 26, 2008

DIA MUNDIAL DOS AVÓS

sábado, julho 26, 2008

Mais um dia Mundial dos avós. Era para preparar um texto com todo o cuidado para celebrar este dia, mas o tempo foi escasso e não tive tempo. Fica para o ano. No entanto, para mim o dia dos avós são todos os dias. Mas se há dias para tudo e para todos porque não o dos avós. Eu tive pena de só ter conhecido o meu avô materno e ele faleceu eu era muito jovem. Além disso, vivíamos em sítos diferentes, a distância não era muito pequena e por isso o contacto também não foi muito. Mas tenho, ainda hoje, muita pena de não ter conhecido os outros meus avós. Principalmente a minha avó materna, que segundo dizem era um doce. Mas a vida não quis assim, paciência. Hoje, já sou avó e muito babada. Os netos acabam sempre por serem os nossos segundos filhos, mas já sem aquela responsabilidade maior, pois para isso estão lá os respectivos pais. Mas é uma delícia quando eles nos começam a chamar ainda com uma vozita pequena, quando começam a andar, quando se riem para nós, como eles fazem para nos driblar a pedir coisas que os pais não dão. Enfim, aquelas pequenas coisas que nós, avós, fechamos um olho e acabamos na volta por lhes dar. E não venha cá ninguém dizer que não faz, porque faz.

Portanto, viva os avós e os netos!

1 comentário:

Evelyne Frtado disse...

Parabéns por ser essa avó "babada", Ana! Deve ser muito bom ser avó.
Um beijo enorme.
Veca