sábado, agosto 09, 2008

PALAVRAS AMIGAS

sábado, agosto 09, 2008

Em Abril, Maya Angelou foi entrevistada pela Oprah no seu 70º aniversário. Oprah perguntou-lhe o que pensava sobre o envelhecimento e, ela respondeu que era "excitante".
Relativamente às alterações corporais, disse que eram muitas e que ocorriam todos os dias... Como os seus seios, parecia-lhe estarem numa corrida para descobrirem qual deles chegaria primeiro à cintura...
(A audiência riu tanto que até chorou.)

Ela é uma mulher tão simples, com tanta sabedoria nas palavras!
Maya Angelou disse:
- Aprendi que apesar do que quer que aconteça, e do quanto pareça mau, a vida continua e será melhor amanhã.
- Aprendi que se pode conhecer bastante bem uma pessoa a partir da forma como ele ou ela reage em três situações: num dia de chuva, com bagagem perdida e na forma como desembaraça as luzes de Natal.
- Aprendi que independentemente da forma como te relacionas com os teus parentes, vais sentir a falta deles quando sairem da tua vida.
- Aprendi que "fazer pela vida" não é o mesmo que "fazer uma vida".
- Aprendi que a vida às vezes dá-te uma segunda oportunidade.
- Aprendi que não deves viver a vida com uma luva de "apanhador" em
cada mão, deves ter a possibilidade de poder atirar (devolver) alguma coisa.
- Aprendi que sempre que decido alguma coisa de coração aberto, normalmente tomo a decisão acertada.
- Aprendi que, mesmo quando tenho dores, não tenho que ser uma dor.
- Aprendi que todos os dias devemos tentar tocar alguém, as pessoas adoram um abraço quente ou uma simples pancadinha nas costas.
- Aprendi que ainda tenho muito para aprender.

- Aprendi que as pessoas esquecerão o que disseste, esquecerão o que fizeste, mas nunca esquecerão o que lhes fizeste sentir.

1 comentário:

Evelyne Furtado disse...

Gostei muito de ler, Ana! Se a gente pode escolher, melhor escolher o lado bom da vida.
Beijos para você.